Brigade logo
Causes is now part of Brigade – the world's first network for voters.
Join Brigade to take action on issues and elections that matter to you.
Take me to Brigade

Back to SIM ao Ato Médico

Ato Médico aprovado com vetos

A presidente Dilma Rousseff sancionou a lei que regulamenta o exercício da medicina no país, o chamado Ato Médico, com veto a alguns pontos que causaram polêmica com outras categorias profissionais, como enfermeiros e nutricionistas. A aprovação da lei foi publicada nesta quinta-feira (11) no Diário Oficial da União.
O quarto artigo da lei, que define as atividades que são exclusivas aos médicos, teve nove pontos vetados. Um dos trechos mais polêmicos, que definia ser privativo aos médicos a formulação do diagnóstico e a respectiva prescrição de tratamento, foi vetado pela presidente.
Entre os trechos mantidos estão os que definem que a indicação e execução de cirurgia é atividade privativa dos médicos, além da aplicação de anestesia geral.
Um dos pontos polêmicos mantidos na lei define que cabe exclusivamente aos médicos a indicação e execução de "procedimentos invasivos, sejam diagnósticos, terapêuticos ou estéticos, incluindo os acessos vasculares profundos, biópsias e endoscopias", diz o texto publicado no Diário Oficial. Acupunturistas e outros profissionais temem restrições ao seu campo de trabalho por conta da interpretação que pode ser feita do que é um procedimento invasivo.

Fonte: http://www.paraiba.com.br/2013/07/11/01739-com-vetos-dilma-aprova-lei-que-define-atividades-medicas

2 comments

to comment