Brigade logo
Now there’s a better way to shape the issues that matter
Upgrade to Brigade for all-new petitions, discussions, and more
from the team that brought you Causes.
Upgrade to Brigade

Back to Não ao desaparecimento do Teatro Sá da Bandeira (Porto)!

Apenas mais uma personalidade que por lá passou

Meus caros,

Em primeiro lugar agradecer a todos os novos membros que diariamente se juntam a nossa causa e a todos que manifestam a sua indignação.

Tem-se falado muito sobre algumas personalidade que passaram por este teatro e que lhe atribuem uma aura especial e um passado que deve ser respeitado neste nosso presente.

Uma pequena nota pessoal: encontro-me a fazer Doutoramento sobre a História dos Teatros do Porto e eis o que descobri:

Ainda antes do conhecido Teatro do Príncipe Real (antiga designação do actual Sá da Bandeira), este existia com o nome de "Theatro Circo da Rua de Santo António". A entrada para este antepassado do Sá da Bandeira - dos mesmos proprietários que o transformariam no que hoje conhecemos fisicamente como o TSB - fazia-se pela dita rua (actual 31 de Janeiro), já que nem a rua de Sá da Bandeira havia sido aberta (no seu lugar existia a pouco afamada Viela da Neta). Por alturas de 1861 (!) coexistiam no Porto os seguintes teatros, para além do antepassado do Sá da Bandeira: S. João, Baquet, Variedades (outrora Camões) e Teatro de Santa Catarina. Pois bem, volto a trazer à tona a questão de personalidades importantes que passaram pelo TSB. No ano referido, para grande agrado dos portuenses, o Rei D. Pedro V fez uma visita ao Porto. Qual foi o teatro escolhido para o homenagear e onde efectivamente marcou presença? Pois, o velhinho Teatro Circo da Rua de Santo António, o antepassado do nosso Sá da Bandeira.

É só mais uma personalidade...

Força!
Daniel Micaelo-Rosa

to comment