Back to Não ao desaparecimento do Teatro Sá da Bandeira (Porto)!

O silêncio da Câmara Municipal do Porto

Somos quase 40 mil. Compreende-se que a CMP não tenha capacidade financeira para adquirir o teatro mas poderia, de facto, intervir. Assim o fez quando o Sr. La Féria pretendeu adquirir o TSB. Ironia do destino, a CMP ofereceu o nosso Teatro Municipal ao mesmo senhor.

O primeiro passo foi dado: consciencializar a população do que se está a passar.

Partimos para o segundo: mobilização pacífica. Já foi feita uma concentração mas talvez tenhamos que optar por ideias mais originais. Lembrei-me duma: normalmente usamos "post-it" como lembretes. Pois já que a CMP se esqueceu do Teatro Sá da Bandeira, vamos colocar lá post-its para lhes lembrar que nós não nos esquecemos!

Podem comprar de qualquer cor, escrevam "não esquecer o Teatro Sá da Bandeira" ou "Não se esqueçam de mim!". Sejam criativos, inventem frases de reinvidicação e colem no TSB. Os post-its não causam qualquer dano ao imóvel pelo que não há qualquer preocupação em "violentar" o TSB. Colem fora, dentro, tirem fotografias aos vossos post-its e enviem para a nossa causa! Vamos cobrir o TSB de post-its reinvidicativos! Como são facilmente retirados, insistam!

Eu vou colar o meu amanhã. Espero que mais se mobilizem!

Com estima,
Daniel Micaelo-Rosa

4 comments

to comment