A petition from the campaign to

Help Samuel

Progress

5 signed
95 more needed

Sign the Petition to

Vamos ajudar o Samuel! https://www.facebook.com/pages/Ajudar-o-Samuel/112854582238144

Olá queridos amigos e conhecidos, pais, tios, avós... Gostava que partilhassem e que ajudassem dentro das vossas possibilidades o Samuel. Não o conheço, é conhecido de uma amiga que me contatou desesperada com esta situação. Tudo o que ouvi comoveu-me, afinal tem 17 meses e uma vida pela frente mas a vida nem sempre sorri como queremos. Esta família encontra-se no limite dos seus meios financeiros e o Samuel precisa de ir para a Alemanha, onde, talvez se consiga libertar do maldito "bicho". Cá em Portugal já não há meios para ajudá-lo.
Não custa partilhar esta situação, não custa doar nem que sejam 5€, afinal de contas é uma vida que está em risco. Vamos Ajudar o Samuel da melhor forma possível que conseguirmos. Posso contar convosco? PARTILHEM, não custa nada e há sempre alguém que consiga ajudar da melhor forma e muitos "alguéns" podem salvá-lo!
Beijinhos para todos e que a vida vos sorria. Eu gostava de continuar a ver o Samuel a sorrir também, nem que por fotos. Obrigada e bem hajam!

Signed,

Projeto CriançaSmile

This petition closed over 1 year ago

How this will help

Sou o Samuel,tenho 17 meses e vou precisar muito da vossa ajuda...DescriçãoAmigos,este é o Samuel, de 17 meses, nosso filho, nosso TESOURO.
Está gravemente doente e internado no I.P.O. de Lisboa....

Sou o Samuel,tenho 17 meses e vou precisar muito da vossa ajuda...DescriçãoAmigos,este é o Samuel, de 17 meses, nosso filho, nosso TESOURO.
Está gravemente doente e internado no I.P.O. de Lisboa. No dia 28 de
Janeiro de 2013 foi-lhe diagnosticado um tumor de Wilms( tumor maligno
instalado no rim e extensível ao pulmão, cujo prognostico foi dramático -
a sua curta vida estaria a chegar ao fim. Tudo temos feito e, entre internamentos no I.P.O., cirurgia no Hospital da Estefânia
e novamente I.P.O., onde se encontra actualmente, o Samuel tem lutado
para sobreviver e por milagre ele vai tentando....tentando e agarra-se à
vida. Nós, os pais queremos estar ao seu lado para que ele sinta o
nosso calor, os nossos beijos.... É difícil....é difícil encontrar mais
forças! As nossas condições económicas são poucas (eu termino para o
próximo mês o meu contrato, através do Centro de Emprego onde fui
colocada pela Junta de Freguesia de Cuba, como auxiliar de Educação na
Escola Fialho de Almeida e o meu marido trabalha quatro horas por dia a
uma distancia diária de aproximadamente 100km, ou seja o que ganha é
para a deslocação. o contrato termina em Abril) e a família também não
pode ajudar mais. Moramos longe, em Cuba, no Alentejo. Não podemos, não queremos estar longe do nosso filho. Precisamos de ajuda, da vossa solidariedade.
Alguém decidiu abrir uma conta de solidariedade no Credito Agrícola com
o NIB: 0045 6257 40256063031 54 e cuja finalidade é angariar um fundo
para tornar possível a nossa presença constante junto ao nosso filho
nestes momentos tão dolorosos e de tantas incertezas. É com dor que tomámos esta decisão mas sem vergonha em o fazer porque é por uma causa maior...... POR FAVOR AJUDEM-NOS! DEUS, há-de compensar-vos.  OBRIGADO

to comment